terça-feira, 24 de maio de 2011

MEGA LEILÃO 10.011 DA ESTÂNCIA BAHIA

Mais uma conquista da Estância Bahia: 22.860 animais negociados, em Cuiabá (MT)

O Grupo Estância Bahia promoveu no último 21 de maio a segunda maior venda de 2011, com 22.860 bovinos comercializados. Esta foi a segunda etapa do Mega Leilão 10.011 da Estância Bahia, que há cinco anos é realizada na capital mato-grossense, Cuiabá, e que contou com a oferta de 15.789 machos e 7.095 fêmeas divididos em 116 lotes. O evento registrou faturamento de R$ 19.685 milhões, com média geral de R$ 796,00. Os machos foram negociados pela média de R$ 966,00, enquanto as fêmeas saíram por R$ 627,00.


Segundo Maurício Tonhá, diretor da Estância Bahia, o leilão superou todas as expectativas, com crescimento de quase 20% em faturamento e 9% em volume de animais, quantidade que garantiu novo recorde também nessa edição. “O Mega Leilão em Cuiabá contou com a participação de 46 compradores e 47 vendedores de Mato Grosso e de outros estados. Além disso, novamente a qualidade dos produtos foi reconhecida por nossos clientes”, explica Tonhá. O empresário atribui o sucesso do evento a família e toda equipe envolvida na organização.

Maior comprador do evento, Antônio Ronaldo Rodrigues da Cunha, proprietário da Fazenda Aliança, de Pontes e Lacerda (MT), confirma essa tendência nos eventos comerciais da empresa. “A qualidade do gado evoluiu muito ao longo dos anos. Se pegarmos a primeira edição do Mega Leilão, em 2007, por exemplo, cerca de 30% da oferta se encaixavam no perfil de nossas atividades. Hoje, a realidade é totalmente diferente. Cerca de 80% são bons animais, resultado de uma boa seleção, com investimento em touro e direcionamento de matrizes”, explica Cunha, que há quatro anos confia a realização de seu leilão anual de touros à Estância Bahia. O criador arrematou 2.764 animais, a grande maioria bezerros, além de alguns garrotes.

Outro grande investidor foi Flávio Alberto Vargas, do Frical Frigorífico, situado em Várzea Grande (MT), que comprou um grande volume de animais de terminação, que serão no engordados no próprio confinamento da Estância Bahia, que oferece serviços de boitel. “O Mega Leilão é uma forma de garantir matéria-prima, e mais que isso, de qualidade. Creio que o evento seja a melhor fonte de carne de qualidade no Mato Grosso e, talvez, em todo o Brasil”, afirma Vargas.


Mais de 63 mil animais vendidos em 2011 –
Comercializar grandes volumes de gado já se tornou rotina nas atividades do Grupo Estância Bahia, que estuda a possibilidade de ampliar o circuito de vendas para outras regiões. Contabilizando as duas etapas realizadas este ano, 63.560 mil foram comercializados pela empresa, quase 20% a mais que no ano passado. Em todas as edições, a Estância Bahia responde por quase 340 mil bovinos leiloados, volume que a coloca na liderança em vendas de gado comercial. “Esse parece ser um volume impressionante, porém, não é nada se comparado ao verdadeiro potencial da atividade no Mato Grosso ou todo o Brasil”, comenta Tonhá.


ATENDIMENTO À IMPRENSA

Pec Press - Imprensa Agropecuária
Adilson Rodrigues - Jornalista Responsável (Mtb 52.769)
Robson Rodrigues - Coordenação e Atendimento
Telefones: (11) 3876-8648 / 8642-8773
adilson@pecpress.com.br e robson@pecpress.com.br
Skype: robimprensa
Acesse nosso blog: www.pecpress.blogspot.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário